Quando Alguém lhe Mostra Quem É, Acredite

View this post in other languages: English, Español

Bem-estar

Quando Alguém lhe Mostra Quem É, Acredite

By Eric Faria

A frase que dá a coluna deste mês seu título foi falada por Maya Angelou em sua infinita sabedoria. Esta é uma citação que ouvi pela primeira vez provavelmente há dez anos ou mais. Eu achava que sabia seu significado e percebi que o compreendi recentemente, nos últimos dois meses. A própria Sra. Angelou explicou esta lição máxima de vida: “Se alguém diz para você: ‘eu sou egoísta’, ‘eu sou mal’ ou ‘eu sou indelicado’ ou até ‘eu sou louco’, acredite porque ele se conhece muito melhor do que você”.

Na maioria das vezes, aqueles que não confiam na vida diriam à outra pessoa: “Não diga uma coisa dessas” ou “Você não é louco ou indelicado”. E assim que você diz isso, a pessoa nos golpeia como que como uma bofetada no rosto, mostrando o quão mesquinho ou egoísta ela é, para provar como ela estava certa sobre si mesma (claro que era, pois ela mesmo disse) e como você estava errado sobre ela.

A vida é engraçada, não é? É um paradoxo constante. Por que ficar com raiva de alguém que verbalmente disse, agiu e mostrou quem realmente era?

Isso me traz tantas experiências passadas com namoro, por exemplo, em que esperava que o cara sentado à minha frente em um encontro fosse simplesmente a versão de quem eu já tinha inventado na minha cabeça, quando na verdade, ele já tinha me dado sinais do tipo de pessoa que ele realmente era. Falando sobre a negação.

Eu também vejo isso claramente no meu relacionamento com familiares e amigos. Eu desperdicei tantas lágrimas com pessoas que não mereciam, perdi tanto tempo esperando que as pessoas começassem a se comportar de maneira diferente – quando a mudança não poderia estar mais longe do que elas estavam dispostas a escolher na vida.

Eu estou aqui no futuro para lhe dizer para não desperdiçar seu sofrimento porque ele é sagrado. As pessoas são quem são e raramente vi alguém mudar por vontade própria. Quando isso acontece, é quase sempre depois que um evento catastrófico que ocorreu na vida dela.

Há um tempo em que temos que crescer e tirarmos as pessoas que são tóxicas de nossas vidas. Simplesmente deixe essa pessoa ir. Será o melhor para vocês dois. Muitas vezes alguém tem que dar um ultimato para que ela possa ver o impacto de seu comportamento sobre os outros.

Quando você olha para o processo de esperar alguém que lhe disse que ia fazer alguma coisa e não fez, que disse que estaria lá para lhe ajudar e não estava, essa pessoa está mostrando quem ela é. Isso significa que ela não é confiável. Então, por que você confiaria nela de novo?

Precisamos ter a coragem de saber o que é melhor para nós. Mesmo se estamos falando de nossos pais, tem que haver uma linha traçada na areia e devemos nos defender. Não tolerar negligência, mentiras, ataques ao seu caráter ou a diminuição de sua alma.

Como adulto, o maior presente que você pode dar a alguém é o seu tempo – se não vale a pena, siga em frente.

Lembre-se disso: quando as pessoas lhe mostram quem são, acredite nelas – na primeira vez. Não espere até a 30ª vez para repentinamente ter uma epifania. A vida e os seres humanos estão sempre dando dicas. Preste atenção.

 

Eric Faria é especialista em redução de estresse e ansiedade, podcaster, palestrante e colunista. Ele produz e apresenta o programa I AM with Eric Faria, disponível no YouTube. O show também é um podcast no Apple Podcasts e no SoundCloud. Para contatá-lo, envie um email para eric@ericfaria.com.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
April 4, 2018

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *