Dicas para Identificar os Sinais de Golpes pelo Telefone

Veja esta matéria em: English, Español

Colunas, Get Smart - Pass It On

Dicas para Identificar os Sinais de Golpes pelo Telefone

By Tradução: Fernanda Magrini Sinha

Todos nós queremos proteger nossa família e a nós mesmos contra fraudes e golpes, mas há tantos por aí! Em apenas um ano, as fraudes custaram aos americanos mais velhos $2,9 bilhões. Muitos golpes visam nossos idosos, especialmente aqueles que vivem sozinhos. É importante educar os membros mais velhos da sua família e a si mesmo para reconhecer os sinais de golpes pelo telefone.

Nunca dê informações pessoais ou conta bancária. Pessoas com mais de 65 anos compram duas vezes mais por telefone do que o resto da população, tornando-os alvos fáceis para golpes de telemarketing. Este tipo de fraude é muito difícil de rastrear. Para evitar ser vítima de golpes de telemarketing, nunca dê a ninguém suas informações pessoais ou da conta bancária por telefone, e se você se sentir pressionado a fazê-lo, desligue. Segue abaixo os diferentes tipos de fraudes de telemarketing a serem evitadas.

A ‘queda do pombo‘: uma pessoa liga e afirma que têm uma grande quantidade de dinheiro que quer dividir com você. Eles vão solicitar um pagamento de ‘boa fé’.

Ligações falsas sobre acidentes: uma pessoa liga e informa que seu filho ou outro parente está no hospital ou foi preso e precisa de dinheiro imediatamente. Eles lhe pedirão para enviar dinheiro para o bem-estar e segurança do seu parente.

Golpes de caridade: uma pessoa liga e pede dinheiro para uma instituição de caridade falsa. Isto ocorre com mais frequência após desastres naturais.

Nunca envie dinheiro para alguém dizendo que você ganhou um sorteio ou na loteria e precisa pagar para receber o prêmio. Neste esquema, as pessoas ligam e dizem que você ganhou na loteria ou em um sorteio, mas para receber o dinheiro do prêmio você deve pagar. Às vezes, os golpistas enviarão um cheque. Não o deposite, ele é falso.

Não envie dinheiro para as pessoas que afirmam serem seu neto ou um ente querido por telefone. Vulgarmente conhecido como o ‘golpe dos avós’, este esquema envolve um golpista que liga e diz ser seu neto(a). Ele(a) afirma ter problemas financeiros, tais como o aluguel ou o pagamento do carro em atraso, e pedirá dinheiro. Eles pedirão que você os pague via Western Union ou Money Gram, que não exigem a identificação para a transação.

Esses golpes dos avós tornaram-se cada vez mais sofisticados, com golpistas fazendo uma pesquisa sobre os netos(as) reais, e usando cúmplices para imitar suas vozes pelo telefone. Eles também podem entrar em contato com seus netos e se passar por uma empresa de telefonia celular, instruindo-os a desligarem seu telefone para um ‘projeto de manutenção’. Isso torna mais difícil confirmar o paradeiro dos netos (as) quando a ligação fraudulenta ao avô/avó foi feita.

Não dê informações pessoais a quem diz ser um representante Medicare. Neste esquema, o interlocutor afirma ser representante Medicare, ligando para emitir um cheque de reembolso de $250 para cobrir a diferença nas despesas médicas. Eles pedirão informações pessoais, incluindo detalhes da Medicare, alegando que a informação é necessária para emitir e enviar o reembolso. O que eles realmente estão fazendo é coletar informações que podem ser usadas no roubo de identidade.

E existe o frequente “golpe da RF”. A pessoa liga e diz ser um agente da Receita Federal. Ela exigirá o pagamento de impostos atrasados, e dirá que se você não pagá-los imediatamente, será preso. Ela pedirá que você pague por transferências de dinheiro ou carregando um cartão pré-pago. A RF nunca faz uma exigência ou ameaça.

Não dê dinheiro para quem liga dizendo ser da sua empresa de serviços públicos. Semelhante ao golpe da RF, este esquema baseado no medo envolve alguém ligando e dizendo ser da sua empresa de serviços públicos. Eles afirmam que seus serviços serão cortados a menos que você os pague imediatamente através da transferência de dinheiro ou cartão pré-pago. Mais uma vez, uma empresa de serviços não conduzirá os negócios desta forma.

Não dê acesso ao computador para quem liga dizendo oferecer “suporte técnico”. Eles ligam e fingem ser representantes de uma empresa de tecnologia, como Microsoft ou McAfee. Estes golpistas pedirão acesso remoto ao seu computador para “suporte técnico”. Nunca dê informações pessoais a alguém que oferece ajuda através do computador.

Compartilhe essas dicas com seus amigos, família, e especialmente com os mais velhos de sua família. Certifique-se de que eles percebem que dar informações pessoais ou financeiras através do telefone nunca é uma boa ideia, não importa o que a pessoa diga. Lembre-se: um consumidor informado é um consumidor inteligente!

 

Este artigo foi escrito por Catherine Blinder, diretora de educação e sensibilização do Departamento de Defesa do Consumidor do Estado de Connecticut. Para saber mais sobre como o Departamento de Defesa do Consumidor pode ajudar, visite-os on-line em www.ct.gov/dep.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
November 29, 2016

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *