Festa Junina nos Estados Unidos

View this post in other languages: English, Español

Colunas, Little Brazil

Festa Junina nos Estados Unidos

By Karla Rensch

Não é segredo para ninguém que os brasileiros são, por natureza, um povo animado e que ama festejar. Talvez, o que alguns desconheçam é que no mês de junho todo o Brasil celebra a festa junina ou festa de São João – uma festividade tradicional, cultural e popular que ultrapassa as barreiras culturais que existem em cada estado e toma proporções enormes em todas as regiões do Brasil, especialmente no Nordeste. Inicialmente, a festa possuía conotação estritamente religiosa e era realizada em homenagem a santos católicos como São João e Santo Antônio.

Tradicionalmente, as festas juninas começam no dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio, e encerram no dia 29 de junho, dia de São Pedro. Seu ponto forte são os dias 23 e 24 quando é celebrado o dia de São João. Esses são os três santos (católicos) populares cultuados no mês de junho.

Contudo os historiadores afirmam que a origem das Festas Juninas é totalmente pagã. Ainda antes da Idade Média, as celebrações anunciavam o solstício de verão e de inverno (momento em que o Sol, durante seu movimento aparente na esfera celeste, atinge a maior declinação em latitude, medida a partir da linha do equador) e homenageavam os deuses da natureza e da fertilidade.

A igreja católica acabou aderindo às festas e atribuindo-lhes um caráter puramente religioso, uma vez que na época não conseguia acabar com a sua popularidade.

Em Portugal, (país que colonizou o Brasil), em virtude da coincidência de datas, passou-se a comemorar o São João, chamando-lhe de Festas Joaninas. No país lusitano, a Festa de São João na cidade do Porto é muito famosa e atrai milhares de pessoas que todos os anos festejam nas ruas.

No Brasil, as festas juninas foram introduzidas pelos portugueses no período colonial e, desde então, a comemoração sofreu influências das culturas africanas e indígenas e, por isso, possui características peculiares em cada parte do Brasil.

Ao imigrar o brasileiro, assim como qualquer outro imigrante, leva consigo algumas de suas tradições mais enraizadas, como a festa junina e suas peculiaridades. Aqui no estado de Connecticut, inúmeras famílias se organizam nos quintais e jardins de suas casas e celebram o São João exatamente como é celebrado no Brasil, com roupas coloridas e estampadas que lembram os camponeses, brincadeiras diversas, fogueiras, muita comida derivada do milho, música e quadrilhas, (que são as danças típicas das festas caipiras, como também é conhecido a festividade em alguns estados do Sul do Brasil).

Observamos muitos americanos casados com brasileiros aderindo e curtindo a festividade que já virou tradição na comunidade imigrante residente no estado. Hoje, as famosas e disputadas festas juninas em residências de brasileiros contam, às vezes, com um público quase que 70% americano, que tendo participado no ano anterior, sempre volta e apresenta a festividade a outras famílias. E assim, cresce o leque de participantes de uma das festas mais populares do Brasil dentro dos Estados Unidos.

 

 

 

 

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
June 20, 2018

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *