Os Dias Mais Quentes e Abafados do Verão

View this post in other languages: English, Español

Crianças E Família

Os Dias Mais Quentes e Abafados do Verão

By Anne E. Mead, Ed. D.

“Eu quero que a chuva pare, Srta. Anne”, disse uma criança do jardim da infância cercada por outras que cantavam sua versão de “Rain, rain, go away”. Depois da música,  nós falamos sobre como “estava chovendo há vários dias (os alunos me contaram), como ela começa e para rapidamente, e como às vezes eles realmente “ficaram enxarcados”, comentou um menino, cujo cabelo estava molhado de correr na chuva para chegar a escola.

“Este clima não é  típico”, eu disse às crianças. Comecei a lhes dizer como precisávamos da chuva para nossos jardins e para manter a nossa grama verde. “Não tanto assim. Sem sol tantos dias eu não posso sair para brincar”, outra criança me disse em espanhol traduzido por uma professora. “Minha mãe e eu brincamos com jogos divertidos dentro de casa quando minha irmãzinha dorme”, outra criança me disse, mas “eu quero brincar lá fora!”, uma criança suavemente resmunga para mim.

As crianças do jardim de infância percebem a mudança no clima e anseiam pelos dias quentes do verão. “Eu gosto de jogar beisebol no verão”, enquanto sua irmã me diz “Eu gosto de ler na minha confortável cadeira no quintal, mas ela está molhada agora”. Uau, que crianças atentas. Espero que o sol volte rapidamente e que elas possam brincar de novo sob o céu ensolarado ou durante os dias mais quentes e abafados do verão. A frase “os dias mais quentes e abafados do verão” é uma crença grega sobre uma estrela chamada Sirius e sua posição no céu. De acordo com o The Old Farmer’s Almanac, os dias mais quentes e abafados do verão são tradicionalmente os 40 dias que começam em 3 de julho e terminam em 11 de agosto. Sirius é a estrela mais brilhante do céu; sem contar o sol. Sob as condições certas, ela pode ser vista a olho nu durante o dia. Sirius é uma estrela em um grupo que forma a constelação de Canis Major, que significa “Cão Maior”. Um pequeno vídeo em https://www.youtube.com/watch?v=RBtjweC5nN8 explica a frase para crianças mais velhas.

Os dias mais quentes e abafados do verão dão às famílias tempo suficiente para se divertirem ao ar livre, nadar, visitar parques, biblioteca, museu e ler. A perda de aprendizado de verão pode ser evitada quando as crianças leem diariamente ou sozinhas de 20 a 30 minutos por dia. O verão é o momento perfeito para se ler livros como “Looks Like Spilled Milk” de Charles Shaw, “The Very Lonely Firefly” de Eric Carle ou “How Does Your Garden Grow” de Laura Marsh. Juntas, as famílias podem fazer atividades relacionadas as histórias. Leia “Looks Like Spilled Milk” deitado no chão para ver as nuvens. Pergunte ao seu filho como elas são, eles veem formas de rostos nelas? Os vaga-lumes podem ser capturados no início da noite e usados como luz noturna. Cultivar um jardim, e colher os prêmios que são os vegetais frescos, é nutritivo e ajuda as crianças a experimentarem novos alimentos.

A chuva acabará, os dias mais quentes e ensolarados retornarão e o verão logo terminará. Lembre-se que a escola começa no dia 31 de agosto. Aproveite o resto do verão.

 

Anne E. Mead, Ed. D. é administradora dos Programas de Educação Infantil e Aprendizagem Extendida das Escolas Públicas de Danbury. Se você tiver alguma dúvida, não hesite em contatá-la pelo telefone 203-830-6508 ou meadan@danbury.k12.ct.us.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
August 1, 2018

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *