Setembro é o Mês da Conscientização a Frequência a Escola

View this post in other languages: English, Español

Crianças E Família

Setembro é o Mês da Conscientização a Frequência a Escola

By Anne E. Mead, Ed. D.

Os alunos que frequentam a escola de forma consistente têm melhores notas, tornam-se academicamente proficientes e estão em sua trajetória para a formatura do ensino médio. Alguém poderia pensar que a frequência consistente é a norma para a maioria dos estudantes, no entanto, este não é o caso. Embora as Escolas Públicas de Danbury tenham uma das menores taxas de absenteísmo crônico no Estado de Connecticut, ainda podemos fazer melhor. O absenteísmo crônico é definido como alunos que faltam dois dias por mês da escola ou 10% do ano letivo. Esses alunos correm risco de repetir e têm taxas de desistência mais altas. Para mais informações sobre os números e fatos sobre os efeitos do absenteísmo crônico, acesse http://www.attendanceworks.org/chronic-absence/the-problem/

O que as famílias precisam saber e como podem ajudar seus filhos a comparecerem consistentemente? Primeiro, dormir regularmente no mesmo horário, boa nutrição e uma rotina são todos necessários para garantir uma boa saúde, sem doenças e uma atitude positiva sobre a escola. Planejar uma rotina que inclua se preparar para o próximo dia é vital. Preparar os lanches e a mochila, escolher ou colocar as roupas, e certificar-se de que as famílias tenham lido os panfletos e outras informações importantes que chegaram da escola. Reserve tempo todas as noites para revisar o dever de casa do seu filho, falar sobre o dia dele, assinar e devolver qualquer formulário que precise voltar para a escola. Tornar a expectativa de que o seu filho vai à escola todos os dias uma mensagem clara e quanto importante ela é para o sucesso na leitura, a transição para outras séries e o caminho certo para a graduação.

Todos nós entendemos quando uma criança está doente ou com febre e precisa ficar em casa. Não estamos sugerindo o envio de uma criança doente para a escola, mas tenha em mente que as queixas de dor de estômago ou dor de cabeça podem ser um sinal de ansiedade e não um motivo para ficar em casa. Se seu filho parece ansioso ou tem essas queixas, converse com o professor ou diretor sobre como fazer com que ele se sinta confortável e confiante em sua nova aventura. Conversar com seu filho sobre a escola e compartilhar suas próprias experiências positivas irá ajudá-lo a se sentir mais confortável.

A política de atendimento das Escolas Públicas de Danbury pode ser encontrada no guia de retorno às aulas, disponível em http://www.danbury.k12.ct.us/. As famílias agora têm acesso ao PowerSchool, o sistema de gestão estudantil do distrito, e podem ver a presença de seus filhos. Se seu filho vai se ausentar, é muito importante ligar para a escola e relatar sua ausência e o motivo. Isso é registrado na pasta de participação dele. Se ele tiver um grande número de ausências, você será contatado pela escola para saber por que e quais recursos precisa para levar seu filho à escola todos os dias.

O professor do seu filho quer ver todos seus alunos todos os dias. Por favor, faça parte do movimento para manter todas as crianças na escola todos os dias. Como uma comunidade, podemos ajudar a combater o absenteísmo crônico, aumentar o sucesso acadêmico de nossos filhos, resultando em graduados que sejam bem-sucedidos na faculdade e em suas escolhas profissionais.

 

Anne E. Mead, Ed. D. é administradora dos Programas de Educação Infantil e Aprendizagem Extendida das Escolas Públicas de Danbury. Se tiver alguma dúvida, não hesite em contatá-la pelo telefone 203-830-6508 ou meadan@danbury.k12.ct.us.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
September 5, 2018

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *