A história de Jim Fitzpatrick

View this post in other languages: English, Español

American Dream Series, Noticia

A história de Jim Fitzpatrick

By Daniel Trock

Nosso entrevistado para esta edição é Jim Fitzpatrick, originalmente de Tipperary, na Irlanda.

Como era onde você cresceu?

Era muito verde e pitoresco, com muita chuva. Não tínhamos ótimos verões. Mas era um país muito agradável e amigável para se crescer. As crianças brincavam ao ar livre com segurança e podiam sumir um dia inteiro sem que ninguém ficasse preocupado com o fato de não voltarem para casa.

Quando e por que você decidiu imigrar?

Depois de me formar no ensino médio, havia poucas oportunidades de fazer algo como uma faculdade ou um trabalho bem remunerado. Eu tinha um emprego antes de sair, mas era sem futuro. Eu sabia que se tivesse uma oportunidade, poderia ser bem sucedido. Eu tinha alguns amigos que eram cidadãos americanos e que estavam voltando para os EUA, e vi uma oportunidade de acompanhá-los e ver como as coisas aconteceriam. Isso já faz cerca de 31 anos.

Como a América o tratou?

Ela me tratou muito bem! Eu consegui fazer faculdade e começar uma família aqui. Toda oportunidade que eu queria, consegui junto com pessoas que me ajudaram ao longo do caminho. E ainda consegui obter financiamento para a empresa de suplementos nutricionais que tenho aqui em Danbury.

Você gostaria de enviar uma mensagem aos leitores?

Eu vim aqui com muito pouco, mas vi que havia uma tremenda oportunidade se eu baixasse minha cabeça e passasse horas trabalhando. Não houve obstáculos no meu caminho; se eu quisesse, qualquer objetivo poderia ser alcançado. Isso não é comum em muitos países, certamente não é na Irlanda e em muitos outros países da Europa. Se você não é formado, suas opções são muito limitadas. Descobri que nos EUA, mesmo graduado no ensino médio, ainda havia um caminho para fazer faculdade, obter um diploma e fazer algo. Estou muito grato por ter tido as oportunidades nos EUA que eu não teria na Irlanda.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
December 22, 2017

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *