Correr Corretamente para Evitar Lesões Comuns

View this post in other languages: English, Español

O Que Você Deve Saber

Correr Corretamente para Evitar Lesões Comuns

By Ross Henshaw, M.D., especialista em Medicina Esportiva, OrthoConnecticut

Correr é uma maneira maravilhosa e eficiente de melhorar sua saúde, exceto quando produz lesões crônicas. A melhor maneira de aproveitar com segurança um programa de corrida é aumentar gradualmente a intensidade de seus treinos.

O QUE OS PROFISSIONAIS DIZEM

Normalmente, um treinador ou coach de corrida recomendará aumentar as distâncias não mais do que 10% por semana. Se você tem uma condição de saúde desconhecida ou é novo para se exercitar, dê o primeiro passo marcando uma consulta com seu médico. Se você tem um histórico de lesão ortopédica ou dor nas articulações, procure o conselho de um cirurgião ortopédico.

AS 5 PRINCIPAIS RECLAMAÇÕES

Bursite do Quadril –  Esta é uma lesão de uso excessivo causada pelo atrito entre a banda do tendão iliotibial e o osso do quadril. Este grande tendão passa sobre a proeminência óssea do lado de fora do quadril, vai até a perna e se fixa logo abaixo do lado externo do joelho. Quando corremos, essa faixa esfrega para frente e para trás sobre o osso do quadril externo; com o tempo, o atrito cria inflamação. Nossos corpos têm ‘almofadas’ naturais chamadas de ‘bursa’ que são projetadas para reduzir esse atrito, mas se elas não tiverem tempo de se adaptar, podem inchar e doer, causando dor na parte da frente do joelho. Essa condição é comum entre os corredores.

Dor na Rótula e Tendinite Patelar –  Isso resulta em dor na frente do joelho e é comum entre os corredores. O músculo do quadríceps na parte frontal da coxa fortalece nossa capacidade de endireitar o joelho. Ele funciona usando a rótula ou ‘patela’ para alavancar o joelho. Isso gera pressão e pode causar dor no joelho. O músculo do quadríceps afunila-se para se tornar um tendão que se liga à rótula e depois ao osso da canela (tíbia) através do tendão da patela. Quando tensos, os tendões do quadríceps e da patela também podem desenvolver micro-lágrimas e inflamar-se. O tratamento inclui repouso, anti-inflamatórios, exercícios de fortalecimento, treinamento cruzado e progressão para a corrida, evitando subidas.

Dores nas Canelas –  Isso pode ocorrer em uma ou nas duas canelas, mas mais comumente na perna dominante. Esta condição é causada pela inflamação, onde o músculo sóleo na panturrilha se liga à tíbia. À medida que o músculo ajuda os corredores no ‘empurrão’, ele puxa o local de fixação, que pode ficar inflamado e inchado. Essa dor geralmente acontece apenas ao correr. O tratamento para esse uso excessivo é o descanso e treinamento cruzado.

Tendinite no Tendão de Aquiles –  O forte tendão de Aquiles é propenso a inflamação ao iniciar um programa de corrida. Nosso músculo da panturrilha se afasta para se tornar o tendão de Aquiles que se insere no calcanhar e ajuda no impulso da passada. Correr ladeira exige mais alongamento da panturrilha, obrigando-a a trabalhar mais. Isso pode levar a micro rompimentos das pequenas fibras do tendão de Aquiles. As micro-lágrimas não se tornam rupturas completas no tendão, mas causam inflamação e inchaço à medida que o corpo tenta reparar e regenerar a área. O tratamento usual é repouso, alongamento, fortalecimento, treinamento cruzado e, à medida que a dor se dissipa, um retorno gradual à corrida com subidas limitadas.

Fascite Plantar –  O sintoma inicial mais comum disso vem com o primeiro passo da manhã. A fáscia plantar é uma faixa apertada de tecido que suporta o arco do pé. Ela se prende ao calcanhar e atravessa a sola, prendendo-se amplamente na extremidade do pé. Quando corremos, a fáscia plantar pode ficar sobrecarregada com o menor encaixe no calcanhar, especialmente em indivíduos com músculos da panturrilha apertados. Inicialmente, a inflamação começa após a corrida e dói após um período de inatividade. Quando o pé e o tornozelo se dobram para ficar em pé, a fáscia se estica e dói. O melhor tratamento é descobrir cedo e descansar.

A DOR É UM AVISO!

A maioria de nós pode aproveitar a corrida sem sofrer com essas doenças comuns. Meu melhor conselho é reconhecer os sintomas precocemente e não ignorar a dor. Se prestar atenção aos sintomas, pode evitar lesões dolorosas e permanecer ativo.

Sobre a OrthoConnecticut

A OrthoConnecticut é a principal prática multi-especializada de ortopedia e controle da dor da região. Trinta e um médicos certificados pelo programa de bolsas oferecem atendimento a pacientes em 9 consultórios em Danbury, Darien, New Canaan, New Milford, Norwalk, Ridgefield, Sharon, Southbury e Westport. O serviço de atendimento urgente da prática, o OrthoCare Express, está aberto 7 dias por semana para emergências e está disponível em Danbury, Darien, Norwalk e Westport. Para marcar uma consulta com o Dr. Henshaw, ou para saber mais sobre a OrthoCare Express, acesse http://www.myorthoct.com/, ou ligue para 1.833.ORTHOCT (1.833.678.4628).

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedIn
October 24, 2018

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *